Desafio Pessoal: 30 Dias “Marmitando”

Já passamos do meio do ano e advinha quem está magérrima? A Gisele Bundchen meu bem, porque eu, continuo gorda e na luta!

Pois é, abstraindo a piadinha infame, não tem nada de engraçado nisso. Emagreci 4 kg de março à agosto, ou seja, menos de 1 kg por mês…

Vocês devem ter percebido que eu não estou mais postando a tag “Pesagem da Semana“. Isso porque estava ficando muito desmotivada com a falta de resultados e, comecei a levar mais a sério, as medidas (que esteve me surpreendendo positivamente, muito mais que a balança).

Contudo, mês passado, reparei que até as medidas estagnaram, sinal de que tem algo errado sendo feito!

Fui olhar minhas anotações e as fotos das minhas refeições (que tenho de postar no IG como forma de relatório para a minha técnica) e, caiu a ficha. Sem perceber, estava passando por um retrocesso alimentar.

Na minha cabeça, eu estava fazendo reeducação alimentar certinho, mas nas minhas anotações e fotos, vi que estava aos poucos, retomando a “gordonomia” de antes. Estive comendo doces durante a semana, chocolate e refrigerante mais de 3x por semana, não planejo minha semana alimentar há mais de um mês, esqueço de fazer meu chá e por isso, há quase um mês não tomo meus chás, entre outros detalhes que fazem toda a diferença em um processo de emagrecimento – como por exemplo – uma boa noite de sono.

Meu Plano de Ação

1. Como grande parcela da estagnação do meu peso se deve a bagunça alimentar, resolvi experimentar focar em marmitas saudáveis (mesmo estando em casa). Estou aguardando o término da carência do meu convênio para marcar uma consulta com a nutricionista. Até lá, terei de me virar sozinha com as dicas que pego por ai. Mas por enquanto, vou montar marmitas saudáveis durante os próximos 30 dias.

2. Solicitei uma avaliação física com bioimpedância na academia e, farei amanhã mesmo;

3. Farei exercícios físicos 5x por semana (musculação + corrida/caminhada);

Cardápio

Quando tiver de sair, sabendo que passarei muitas horas fora de casa, levarei uma fruta, barrinha de cereal ou de proteína e uma salada. Para aprender como comer salada estando fora de casa, clique aqui.

Como eu tenho uma certa liberdade em relação aos alimentos com reeducação alimentar (leia aqui sobre como eu aprendi me alimentar), levando em consideração as coisas que gosto e meu aprendizado sobre alimentação, montei um cardápio fit para seguir nas montagens das marmitas. Obs.: como não sou nutricionista, por isso não me sinto a vontade para dividir o cardápio que montei. Mas vocês poderão acompanhar pelo Instagram. 😉

O programa Bem Estar fez uma matéria bem bacana sobre marmitas saudáveis, se tiver interesse, leia aqui.

Abaixo separei alguns vídeos que me ajudaram nesta decisão e que, ensinam a executar o plano da marmitinha saudável:

Espero que gostem!

Como vou preparar minhas marmitas para a semana toda?

Como congelar os alimentos adequadamente?

Dicas para aprender montar marmitas balanceadas

Além de ser saudável, marmita pode ser uma forma de economia

Viaja muito? Veja uma dica de como garantir uma alimentação saudável durante o vôo.

11 Comentários


  1. Ai amiga! mas se sabe o que me salva são as marmitinhas viu!!
    eu ja deixo as minhas prontas!
    salada cozida ai e so chegar na hora do almoço e comer!
    e isso tem me ajudado em muito a nao sair do planejado viu!
    ate vi algumas fan page no face dizendo da marmitinha!! e eu aderi viu!!!!!!
    bom demais!!!
    beijos amore e força ai para nos!!!!!

    Responder

  2. lindeza.. cada um vai se virando como pode.. reeducação alimentar não tá mais me servindo porque sou compulsiva..então quando to em crise.. fico semanas comendo até o ke ninguem comeria..rs.. desespero define.. então aderi pra dez dia de Atkins..pelo menos pra voltar pro 59,9 que eu tava dia 31/07 e venho mantendo já alguns meses.. e deixa a bola correr.. o jogo continua..rs.. bjokas e sucesso

    Responder

  3. Puxa… Bem legal!!

    Eu já venho marmitando há algum tempo (no serviço mesmo) mas estava comendo todo tipo de porcaria possível !

    Agora que retomei a linha… Tenho escolhido melhor os alimentos!!!

    Beijos e boa sorte no novo projeto!!

    http://Www.adeusobesidade.com

    Responder

  4. Este negócio de marmita ser coisa de pobre é filosofia de brasileiro. Eu sempre levei minha comidinha pro trabalho, tanto no Brasil como aqui. Aqui particularmente o povo abre aquele marmitão seja esperando uma consulta médica, seja no metrô, no ônibus, no parque, é super normal. As vezes dá vontade de pedir uma garfada hahaha
    Eu reparei na sua alimentação no Instagram, mas já aprendi que não adianta falar, é a pessoa mesmo que precisa se dar conta e aí sim,ela mesma passa agir, como você está fazendo.
    Agora é executar o plano! Manda brasa! 😉
    E depois conta da bioimpedância. Tenho vontade de fazer, mas ainda não achei um profi$$ional legal, se é que você me entende rs
    Beijocas e sucesso!
    Carla Pancha

    Responder

  5. Eu sou marmiteira. Sempre levei pra faculdade o meu jantar pra comer na hora certa. Porque lá o que tem é gordice pura! É uma boa opção. a melhor eu acredito.

    Responder

  6. Marmita é amor! hehehe… Eu não como fora de casa, mas tenho pouco tempo pra cozinhar durante a semana, então no domingo eu deixo a semana toda preparada e congelada ^^

    abraço Magrela…

    Responder

  7. Muito bom esse post Cintia porque ajuda a gente a se ligar !!!Eu também preciso ficar esperta e essas opções de marmita me ajudarão já que todos os dias eu trago, porém preciso de muita criatividade para não enjoar

    Responder

  8. Oiii! Adorei seu blog, estou neste mundo da blogostera a pouco tempo! Mas estou adorando!!

    Sobre carregar a própria comida eu sempre curti! Fui criada pelos meus pais assim, eles são pessoas simples e não podiam gastar R$ com alimentação em restaurantes e padarias. Antes não era chique e sofria preconceitos em levar pão de casa, fruta, até leite desnatado em uma garrafinha térmica…mas eu era magra hehehehe 53kg!!

    Depois com a correria e devido as chacotas eu parei e comecei a comer mal e engordar!!!!!

    Bom isso é passado, e assumi minha alma "boia fria" e voltei a carregar água, bolacha água e sal, fruta ….tudoooooo
    Tenho uma amiga que brinca comigo dizendo que eu
    ainda não tenho filho, mas eu faço as "malinhas" como se eu tivesse um!

    Bom….resumo
    Se as mãe se preocupam com uma alimentação saudável para seu pupilo, porque eu não devo me cuidar com o mesmo amor e carinho?????

    bjs
    Vc já está na minha lista de blogs!!!
    Vamos lá continuar!!!!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *