Mindful Eating | Você Sabe o Que é?

Olá, Magreletes, tudo bem com vocês? Espero que sim!

Hoje eu vim falar sobre uma prática que tem me auxiliado muito a ficar longe das compulsões alimentares e do descontrole alimentar: Mindful Eating!


Mindful Eating em tradução livre significa Comer Consciente. Propõe levar a prática budista do Mindfulness para as refeições. Mindfuness é uma prática de manter a mente no presente, atenta ao que está fazendo e ao que está sentindo. Em Mindful Eating, utilizamos todos os sentindos, desde manipular o alimento, até a hora de ingeri-lo. Não tem nada a ver com fazer dieta; mindful eating tem a ver com a forma como comemos no momento da refeição; como experienciamos a comida.

 

Eu sempre falo aqui no blog, sobre autoconhecimento e sobre a importância de filtrar o que vivenciamos, para compreender o que cada experiência nos faz sentir. Isso porque:

O que pensamos gera o que sentimos e o que sentimos gera os nossos comportamentos, lembram?

É importante compreender como funciona seus padrões de pensamentos, desejos e emoções, porque são deles que surgem os nossos hábitos. Temos uma conexão cerebral que é responsável por fazer o nosso cérebro interpretar os estímulos que permeiam o nosso corpo através de cheiros, temperaturas, pensamentos, emoções, cores, texturas…

Isso quer dizer que, quando você come um chocolate e sente muito prazer, esse prazer foi registrado no seu corpo em algum momento da sua vida, da mesma maneira que é registrado o nojo que você sente de determinados alimentos (quiabo babento, por exemplo).

Temos uma conexão emocional com os alimentos e não há como nos livrarmos disso.

Descobri essa prática porque fui pesquisar uma forma de fazer as pazes com a comida. Sério, gente: Eu não quero passar a minha vida toda brigando com a balança, da mesma maneira que não quero passar a vida toda me sentindo impotente diante da comida… Celebramos comendo, nos refugiamos em alimentos que nos traga conforto; Uns mais, outros menos e está tudo bem… É o descontrole que faz mal.

Tudo o que precisamos exercitar é um hábito mental e comportamental de estar sempre presente e consciente enquanto come. Porque a maioria das pessoas, perderam o prazer de se alimentar: ou comem com culpa, ou comem no piloto automático.

Abaixo deixarei um vídeo que ilustra a prática, para que vocês compreendam melhor. Está em inglês, mas dá para entender:

Mindful Eating é a maneira mais simples de fazer você resgatar a reconexão com os mecanismos de fome e saciedade.

Dicas de como começar a praticar

Você não precisa iniciar tudo de uma vez. Vá implantando as atividades aos poucos:

  • Saboreie a comida em pequenas porções;
  • Organize um ambiente atraente para comer;
  • Esteja presente na hora das refeições (esteja com você e o seu prato);
  • Coma devagar;
  • Mastigue bem;
  • Permita-se cheirar, degustar, saborear cada garfada;
  • Arrume seu prato com atenção e consciência;
  • Faça respirações conscientes a cada 3 garfadas;
  • Só coma quando estiver com fome;
  • Pare de comer quando se sentir saciada (mesmo que seu prato ainda tenha bastante comida).

Ao final de cada refeição, tente perceber como se sente. Perceba como está seu corpo. Convido você a testar e partilhar a sua própria experiência. Estou curiosa para ver nos comentários.

Espero que tenham gostado do post.

Fé em Deus e pé na taba!

Com amor,

Cintia Milanese

3 Comentários


  1. Esse conceito me lembra muito aquele preconizado no livro Pense Magro… Sim, a alimentação consciente muda muita coisa! Eu voltei a praticá-la antes mesmo de pensar se iria ou não seguir uma dieta… Apenas prestar atenção a cada garfada, eliminar distrações (tablet, celular, música, televisão, computador), e saborear o alimento… Mudou minha noção de saciedade!

    Beijos!

    Responder

    1. A Judith Beck é mesmo muito top. Desenvolveu o conceito e ele realmente dá muito certo. É uma mudança que vale a pena e faz toda a diferença! <3

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *