Série: Como Planejar Suas Metas | Parte I

Eu havia escrito um post sobre como fazer um plano de emagrecimento (clique aqui para ler); mas ainda não havia conseguido colocar em prática, exatamente por não ter muita noção de qual o prazo ideal para cada meta. Li alguns artigos sobre planejamento de metas, mas nada parecia se encaixar na minha realidade. Iniciei a leitura de um livro maravilhoso, que me trouxe várias ideias de estruturação de metas e com isso, resolvi fazer essa série, com sugestões de planejamento para vocês. Vou iniciar, com a que eu escolhi pra mim:

Uma Meta em 12 Semanas

Quando vamos fazer algo, para que dê certo, é necessário que aquilo se adeque à sua realidade e ao seu cotidiano. Não adianta dizer que vai se embasar em um sistema científico de metas para iniciar seu processo de emagrecimento, se as etapas desse método não facilitam a sua vida. Menos é mais. Quanto mais simples, melhor. Então, acabei vendo um vídeo no canal do Felipe de Souza (Psicólogo Clínico e Professor Universitário), falando sobre um livro chamado: “The 12 week year” (Um ano em 12 semanas). Infelizmente, fui pesquisar e até o momento ainda não fizeram lançamento da versão dele em português. De qualquer forma, se você lê em inglês e tiver interesse, poderá encontrar o ebook da versão original pelo site da Amazon (Viva o Kindle!!!) rs

Resumidamente, o livro propõe que, invés de fazer um plano de ano novo, onde as metas deverão ser todas alcançadas em 12 meses (coisa que a maioria não conquista), deveremos adotar um modelo de pensamento de 12 semanas.

“(…) Em janeiro, dezembro parece estar muito longe. As pessoas costumam começar o ano com grandes metas, mas só se preocupam com elas em outubro ou novembro, quando já é tarde demais”… (…) “Abraçar a ideia de 12 semanas em um ano, lhe dará um saudável senso de urgência. Doze semanas é tempo suficiente para fazer progressos significativos…”.

Como Colocar em Prática?

Pegue seu caderninho e tome nota!!! 😉

  • Tenha uma visão: Você precisa saber exatamente qual é o seu objetivo! Anote seus principais objetivos para curto e longo prazo.- O que você quer conquistar?
    – Qual o tempo razoável para isso?
    – O que precisa fazer para que isso se concretize?

Segundo o autor, isso traz uma visão de futuro. Sem visão, não há como concretizar uma meta.

  • Tenha um Plano Prático: O autor sugere que não façamos planos elaborados. Quanto mais simples, mais executável.

(…) Excesso de metas e planos altamente detalhados, deixam as pessoas sobrecarregadas. Com o passar do tempo, isso tende a se dissolver.

  • Tenha controle do que está executando: Precisamos controlar o andamento dos nossos projetos. Uma vez que sabemos onde queremos chegar e como faremos para chegar, precisamos estabeler os prazos e iniciar os trabalhos. Mas tudo isso será em vão, se não houver um acompanhamento semanal (isso é prioridade).

“Controle e Mensuração são as âncoras da realidade. Se não estou conseguindo o resultado que queria é porque o plano ou a execução teve falhas.”

Vantagens desse formato

Quando temos um prazo menor para alcançar algum objetivo, tendemos a procrastinar menos e trabalhar mais focados. Planejar qualquer coisa desta maneira, nos obriga a gerir melhor o tempo.

Para finalizar, deixo abaixo, o vídeo que mencionei. No próximo post, trarei o meu plano pessoal nesse formato, para que vocês tenham um exemplo de como colocar tudo isso em prática!

Fé em Deus e pé na taba!

7 Comentários


  1. Show de bola Cíntia! Esta semana estou um pouco desanimada por causa de uma dor de barriga que tá durando uns dias já e, por isso, a RA e a AF estão no ralo… espero que meu probleminha gástrico esteja passando (pq tenho um aniversário de criança pra ir no domingo aimeudeus kkk), para poder retomar a rotina.
    Mas isso que vc fala é extremamente importante para todos os nossos tipos de objetivos. Funciona para tudo e confesso que acabei dando uma relaxada nos meus outros objetivos além do emagrecimento. Vou dar uma acordada por aqui! Valeu!

    Thais
    http://www.agendafocoecozinha.blogspot.com.br

    Responder

    1. Thais, isso aconteceu comigo também, por isso que senti necessidade de reformular tudo. Passa aqui na segunda, o post que vou colocar no ar, dá uma visão melhor de como poderemos colocar isso em prática no emagrecimento… 😉

      Beijinho, lindeza. Bom final de semana.

      Responder

  2. Ciin minha linda, eu AMO acompanhar seus posts, e é incrivel porque as vezes parece que você sabe o que estou passando e eu encontro aqui exatamente uma dica do caminho que devo me guiar =)
    Estou contigo nessa fase também, e dessa vez até dezembro teremos bons frutos! =)

    Meega beijo e ótimo domingo!

    Responder

    1. Você tem essa impressão, porque no fundo, passamos pelos mesmos problemas internos… as pessoas são parecidas, amiga, não tem jeito! rs…
      Fiquei feliz pelo seu comentário.

      Beijinhos! 🙂

      Responder

  3. Cíntia! Não só amei esse post como já fiz minhas listinhas e devo admitir que sim, estou SUPER empolgada com as metas a serem alcançadas. Realmente, 12 meses dá uma preguiiiiiça rsrsrsrsrs Muito obrigada por postar coisas que nos fazem melhorar! Beijo!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *